Buscar
  • Dr. Diogo Pazello

O que é cirurgia Endovascular?

Atualizado: Jul 27

Cirurgia Endovascular é uma subespecialidade da cirurgia vascular. O prefixo “endo” vem do grego “endus”, que significa “para dentro”, ou seja, é uma cirurgia “por dentro do vaso (veia/artéria)”.

Ela é utilizada no tratamento de doenças circulatórias, tanto arteriais quanto venosas.

Dr. Diogo Pazello em cirurgia endovascular


Qual a diferença entre Vascular e Endovascular?

A diferença básica entre a cirurgia vascular e a endovascular é a forma de acesso ao vaso a ser tratado. Enquanto na cirurgia vascular são realizados cortes na pele e dissecções profundas até atingir o exato local a ser tratado (artéria ou veia doente), na cirurgia endovascular são realizada punções (arteriais ou venosas) em locais sadios distantes do local a ser tratado. Através deste acesso remoto, atinge-se o local a ser tratado (artéria ou veia doente) utilizando-se cateteres e fio-guia, sendo guiado em tempo real através de imagens radiológicas projetadas em monitores. O local onde são realizados os procedimentos é a Sala de Hemodinâmica.


Quais doenças são tratadas pelo pelo cirurgião endovascular?

As doenças mais comumente tratadas são as arteriais, principalmente as obstrutivas (tromboses) ou as dilatações (aneurismas). Entre as doenças obstrutivas, as mais comuns são as tromboses arteriais em membros inferiores (ilíacas e femorais) e as estenoses arteriais (estreitamentos) por placas ateroscleróticas (estenose de carótida, estenose de artéria renal).

Os aneurismas mais comumente tratados são os de aorta torácica, de aorta abdominal, de artérias ilíacas e de artéria poplítea.



O que é Stent?

Os dispositivos utilizados para o tratamento das doenças obstrutivas são os Balões e Stents. Stents são dispositivos tubulares, fabricados com ligas metálicas (níquel/titânio, cromo/cobalto) e tem a função de manter a artéria aberta após a utilização do balão.

As doenças aneurismáticas são tratadas com a utilização de endopróteses, que são stents recobertos com material impermeável (Dácron ou PTFE).



O grande objetivo da cirurgia endovascular é minimizar o trauma cirúrgico, evitando grandes incisões, dissecções profundas e cicatrizes. Com isto diminui-se o tempo da intervenção, reduz o tempo de internação e diminui o custo hospitalar.



Dr. Diogo Pazello

Especialista em Cirurgia Vascular e Endovascular pela Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular (SBACV)


26 visualizações

©  2020 Clínica e Cirurgia Vascular criado por Grupo Lloret

  • White Facebook Icon
  • White Twitter Icon